Apoios

Apoios

segunda-feira, 21 de julho de 2014

DouroCycling, Prova de Estrada

Primeiro teste às pernas após 3 semanas de treinos bem escalados!

As baldas à recuperação de uma forma física aceitável acabaram há 3 semanas atrás e o DouroCycling surgiu como forma de perceber o que é treinar de forma certa e quais são os resultados em tão pouco tempo de treino “ajuizado”!

Resultado: satisfatório!

O DouroCycling é uma prova de ciclismo de estrada que se traduz em 2 simples palavras, beleza e dureza!
Beleza, pela paisagem onde esta prova se realiza. O Douro Vinhateiro é extremamente belo!
Dureza, porque simplesmente ocorre nas encostas do Douro!

Realizei o percurso mais curto, com apenas 88 km e uns simpáticos 1.811 m D+

dcgraf

Pelo gráfico de altimetria (imagem em cima) é evidente perceber que foram 3 as subidas e 3 as descidas, tão “simples” quanto isso…

IMG_20140720_230056Percurso neutralizado até ao km 13, onde todo o pelotão seguiu em grupo e em velocidade baixa, depois desse km cada um seguiu ao seu ritmo… durante o tempo que conseguiu.

A maior dificuldade do dia, para mim, esteve na segunda subida.
Esta subida era composta por pendentes muito ‘interessantes’, onde fui extremamente castigado pela desmultiplicação de mudanças que uso na minha bicicleta de estrada. Pedalar com 53/39 em zonas com inclinação a roçar os 16% e ainda numa forma débil, obrigou-me a baixar imenso a cadência.
Por sua vez, com cadências a rondar as 55 ppm durante largos minutos, resulta num acumular de ácido láctico nos músculos em grande quantidade… traduzindo, uma subida com muito sofrimento!

Foi a minha primeira participação numa prova de estrada e fiquei surpreendentemente satisfeito pela experiência, assim como ganhei vontade de participar noutras idênticas!

Alguns números do DouroCycling:
• 88 km
• 1.811 metros de desnível
• 76,7 km / h de velocidade máxima registada
• 28ºC de temperatura máxima
• 1.919 calorias gastas

Sem comentários: