Apoios

Apoios

quinta-feira, 10 de setembro de 2009

Análise de Gráficos de Altimetria

Quando se transfere um registo de GPS de um percurso efectuado para o PC para se fazerem as análises possíveis ao mesmo, existe um caminho que sempre se toma, ver o gráfico de altimetria, mas este gráfico é, se não se criar um padrão fixo e evitando os valores automáticos que os programas acabam por usar, um autêntico engano.

Vejamos, um exemplo de 2 percursos analisados unicamente pelo gráfico de altimetria com os valores do gráfico a serem dados de forma automática pelo programa de análise.

Percurso 1:

Percurso 2:


Ao não existir um padrão fixo e único definido, pode-se dizer que ambos são parecidos em termos de altimetria.

Agora, depois de criado o já falado padrão, a análise será sem dúvida bem diferente:


Percurso 1:

Percurso 2:


A conclusão é tão obvia e simples como: a análise terá de ser feita sempre na mesma base de valores do eixo de x e de y, de outra forma o desenho formado pelo gráfico de altimetria nunca mostrará de forma correcta as diferenças existentes.

Sem comentários: