Apoios

Apoios

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2017

GeoTour - Rotas Míticas

geotourEspera-se que 2017 seja um ano épico!
Haverão várias provas de grande dificuldade, sobretudo provas por etapas em BTT (XCS). Quase todos os meses do ano terão uma e Fevereiro foi a abertura deste género de eventos, onde nos passados dias 18 e 19 participei no GeoTour - Rotas Míticas.

Antes de escrever sobre este GeoTour, quero deixar uma palavra de .... (bem, nem sei como a denomine!), coragem (?) a todos aqueles que treinam quase diário sem objetivos concretos, sem provas a sério para disputar, sem competições interessantes a fazer!
O porquê deste paragrafo?!
Simples explicação!
É para provas como estas que consigo ganhar motivação para treinar! É para o concretizar destas dificuldades que se consegue quase todos os dias sentar no selim e a vontade permanecer!

GeoTour, evento que se realiza no Fundão, organizado pelo BTT Gardunha, com aspetos muito positivos e com outros, como em tudo na vida e noutros grandes eventos, a precisar de certos ajustes.
Evento composto por 2 etapas exigentes e longas, onde se consegue ter tempo para desfrutar da pedalada, das paisagens, da companhia de outros colegas e também de por vezes quase desesperar (sim, aquela calçada na Aldeia Histórica de Monsanto... jAsus!).

Apesar da minha inscrição contemplar dormida, não arrisquei ficar no Seminário do Fundão, onde se fez a pernoita, e optei pelo conforto de um excelente Hotel local.
Apesar de ter direito a refeições no evento, preferi o conforto e qualidade de uns bons restaurantes.
A altura do ano requer também algum cuidado a nível de logística e conforto e não arrisquei dormir num local frio e na companhia de muitos desconhecidos, com WC’s muito partilhados e onde no sábado os banhos foram de água fria.
Manias? Podem achar que sim, mas as diferenças para melhor compensam tal "esquisitice"!

Quanto às etapas, a primeira (84 km) mais curta do que a segunda (108 km), embora ambas com praticamente o mesmo desnível vertical, muito próximo dos 2100 m D+.
Percursos muito interessantes e diversificados, umas vezes mais técnicos outras vezes mais rolantes, houve de tudo e para o gosto de todos!geotour bikebox

Em relação ao desempenho em prova, senti-me bem, podendo dizer que as sensações foram muito positivas! O trabalho está a ser desenvolvido de forma progressiva e os resultados esperam-se cada vez mais proveitosos, havendo a esperança que nestas provas o desfrute seja sempre bem maior do que o sofrimento! Por este aspeto, uma palavra de agradecimento ao meu treinador e amigo, Tiago Aragão!

Fiz o GeoTour em dupla, acompanhado do meu amigo José Moreira, que com maior ou menor dificuldade conseguimo-nos manter sempre na mesma sintonia, na mesma vontade e no mesmo companheirismo. Um aspeto menos positivo em relação ao meu parceiro e amigo, fiquei magoado por não ter querido parar no abastecimento das Bolas de Berlim na 2ª etapa… Bandido!!! eheheheheheh

Amanhã começa o mês de Março e também é mês com prova por etapas, o Algarve Bike Challenge. Este realiza-se já nos dias 3, 4 e 5, ou seja, daqui a 4 dias é dado o tiro de partida na Cidade de Tavira deste grandioso evento!
Desta vez o meu parceiro de equipa não será o José Moreira, mas é só desta vez!!!

Ainda em relação ao GeoTour, aqui fica o filme resumo do evento!

Até breve!

Sem comentários: