Apoios

Apoios

terça-feira, 15 de novembro de 2011

7ª Maratona BTT “Trilhos do Ceireiro” – Beselga, Penedono - Resumo

Depois da DBR (já faz hoje 2 meses!!!), e do engano que me impossibilitou de realizar a Maratona do Gerês o que me obrigou a fazer a Meia-Maratona, este fim de semana voltei às verdadeiras tiradas de BTT, já que uma coisa é certa, meias são boas mas é para… os pés!

Esperava-se muita chuva para o dia deste evento, mas os técnicos da meteorologia não estavam com a pontaria afinada e acabaram por me enganar!
De qualquer das formas é preferível esperar chuva e estar como esteve, do que o inverso!
Contudo, acabei por vestir o que não se tornaria necessário e é sempre desconfortável não usar o tipo de equipamento adequado para as condições atmosféricas que se fazem sentir!

Mais uma vez a Beselga se encheu de gente, vinda de todo o país e até de Espanha, e recebeu toda a multidão como é apanágio, ou seja, de excelente forma!!!

Este ano a organização teve o cuidado de realizar as 3 partidas (Maratona, Meia-Maratona e Mini-Maratona) de forma separada e com um intervalo de 15min entre cada uma delas. Se à partida pareceu uma excelente ideia, acabou por ser um pouco estranho para quem realizou a Maratona, ter de “levar” a certa altura do percurso com participantes das outras 2 categorias! Uma situação a rever, na minha opinião!

Quanto ao percurso em si, os 70 km da Maratona tinham ao longo da sua extensão um acumulado vertical de pouco menos de 1.500 mt, em trilhos muito bons e onde predominavam 3 grandes subidas.
Apesar das chuvas já se terem vindo a fazer sentir nas ultimas semanas, uma quase total ausência de lama foi também uma dádiva que acabou por nos ser dada.
Haviam 3 reforços alimentares, suficientes para saciar a fome e sede que cada um pudesse ter.
Marcações exemplares, como é regra na Beselga!

Concluída a Maratona, com um tempo oficial de 3h43min21s e no 19º posto da classificação geral, segui de bicicleta até Penedono onde pude tomar um mais que merecido banho, nas excelentes condições das piscinas municipais. Daqui, voltei à Beselga, claro que a bike já estava no reboque da carrinha do Pedaladas, e então foi possível desfrutar do almoço que era o último passo para concluir a etapa do dia!

Próxima Maratona, a “Invernal” que se realiza no próximo dia 27 na cidade da Guarda, serão mais 70km, mas estes com 2.000 mt de desnível vertical!

(Fotografias de Luís Morgado e Avelino Cardoso)

Sem comentários: