terça-feira, 7 de novembro de 2017

BTT Azibo

mc1Não estando inicialmente prevista esta Meia Maratona nos meus planos, acabei por participar neste evento por cedência a um desafio lançado pelo meu amigo José Moreira, que a jeito de “desculpa” para passarmos um fim de semana com as famílias reunidas em Vila Real, incluiu a Meia Maratona BTT Azibo, em Macedo de Cavaleiros, no “programa”.

mc2Pela participação no domingo anterior em Condeixa-a-Nova na Meia Maratona BTT BlackBulls100 e por a Meia Maratona BTT Nos Trilhos do Ceireiro na Beselga, Penedono, se realizar no domingo que se segue, este BTT Azibo foi aproveitado sobretudo para fazer BTT com o menor índice competitivo possível, o que nem sempre é fácil quando se está inserido num ambiente de competição!

Realmente não foi fácil ver aquela “agitação” de todos os Betetistas no arranque da prova e eu ficar o mais tranquilo possível no meu andamento de “saída normal” para 47 km de BTT numa fria e solarenga manhã de domingo!

Tendo por base a potência em pedalada, eu teria de cumprir durante estes 47 km, com os seus 971 metros de desnível vertical acumulado, o mais possível o 3º de 7 níveis existentes.

Claro que, num evento de BTT, o ter de ir limitado no esforço que se pode / deve fazer é sempre difícil, havendo constantemente aquela vontade de intensificar “só mais um pouquinho”!
Naturalmente que estando limitado ao Nível 3, a tendência foi sempre de ir mais próximo do Nível 4 do que do Nível 2, pelo que o resultado final se traduziu no gráfico que se segue.

Time Zone Power

Tal como pré-estabelecido, o Nível 3 foi mesmo o mais utilizado mas… :)

Quanto ao evento, comecemos pela receção à entrada do secretariado, que foi feita com café e pasteis de nata!
O arranque da prova deu-se com cerca de 15 minutos de atraso, o que é não é muito bom mas também não é grave e os trilhos foram excecionais!
Se em Condeixa-a-Nova me senti fora da minha praia, em Macedo de Cavaleiros foi mesmo à minha medida!

Gráfico Altimetria BTT Azibo

Subidas boas (ok, uma das 3 mais duras chegou a ter 24% de pendente…) com alguma distância que me permitiria em condições normais ir no meu melhor ritmo, descidas onde se precisava de pedalar e poucas zonas que obrigavam a mudanças bruscas de andamento, embora tenham existido também zonas de agradáveis Single tracks!
Como tinha necessidade de manter o máximo tempo possível o Nível 3, não desgostei do longo plano junto à Albufeira do Azibo, o que em condições normais seria um pouco penoso para mim (pela maior dificuldade em rolar quando as minhas características não são as melhoras para este tipo de condições, devido ao meu pouco peso)!

Mapa BTT Azibo

Quanto aos abastecimentos durante a prova, não tenho opinião a dar, já que acabei por não parar em qualquer um dos existentes, mas pelo abastecimento final, na zona de meta, presumo que também tinham bastante qualidade!

O banhos foram nos balneários do Estádio Municipal, onde apreciei bastante as condições, sobretudo pela água bem quentinha e por também ter sido eu um dos que ainda encontrou o balneário vazio!

O almoço foi servido na cantina do Instituto Piaget, composto por pão, sopa, frango com arroz / batata / salada, sumos, vinho, fruta e… sobremesas doces! ;)

Zeca e CésarZeca César Letra

Albufeira Azibo

002003

001

Foi a segunda vez que me desloquei até Macedo de Cavaleiros para participar em eventos de BTT e dificilmente não haverá uma terceira vez!

Nos Trilhos do CeireiroSegue-se agora no próximo domingo a Meia Maratona BTT Nos Trilhos do Ceireiro na Beselga, Penedono.

Espero que o BTT Azibo, com o Nível 3 não tão rigoroso como convinha, não acabe por me prejudicar um pouco no desempenho da vontade que levo para a Beselga e que lá possa impor um ritmo mais intenso, sem limitação de Níveis de Potência, esperando conseguir cumprir o percurso de 46km num tempo que já tenho estabelecido!

Gráfico Beselga

Será também mais um fim de semana com a presença de amigos em casa, o que o tornará de qualidade superior, garantidamente!

Também durante o fim de semana, se irá realizar a oitava edição do  Mercado Magriço em Penedono, que merecerá evidentemente a minha visita!

Sem comentários: